Segurança contra colisões: pesquisadores criam postes que absorvem energia cinética

por Canal da Engenharia
1.165 views

Quando um carro bate em um objeto à beira da estrada ou em um cruzamento, há grandes chances de que o objeto seja um poste de luz ou de semáforo.

Os postes de rua tradicionais são relativamente rígidos e inflexíveis, portanto, as colisões com eles podem ser bastante desastrosas para o carro e para seus ocupantes.  

Além disso, se um mastro se soltar de sua base ao ser acertado com força suficiente, pode atingir os pedestres que estiverem próximos, e ainda deixar sem energia grande parte dos moradores.  

Para ajudar nessa questão, pesquisadores da Universidade do Sul da Austrália, em parceria com a empresa australiana Impact Absorbing Systems, criaram postes que absorvem energia cinética.

Como funciona

No novo sistema desenvolvido, a seção inferior de cada poste fica dentro de uma cavidade dentro da fundação de concreto do poste.

Essa cavidade é em forma de cone, e tem o mesmo diâmetro do poste na parte inferior, mas é mais larga na parte superior, formando uma lacuna entre o poste e o concreto.

Essa lacuna é preenchida por um cartucho de espuma de poliuretano que circunda o poste cilíndrico.

Quando um carro colide contra o poste, o cartucho é comprimido ao absorver a energia do impacto, permitindo que o poste se incline para um lado sem quebrar.

Os pesquisadores afirmam que o resultado é menos um impacto repentino no carro e no motorista, e menos chance de danos ao poste.

Sistema de absorção dos postes. Fonte: Vídeo YouTube UniSa/divulgação.
Testing shows how one of the prototype poles absorbs impact energy by tilting to one side when hit by a car, instead of snapping off and possibly hitting bystanders
Os testes mostram como um dos pólos do protótipo absorve a energia do impacto inclinando-se para um lado ao ser atingido por um carro. Fonte: Universidade do Sul da Austrália.

Essa tecnologia da empresa já é usada para os postes de amarração, e agora está sendo ampliada para uso nos postes de semáforo. Espera-se que eles estejam prontos para uso dentro de um ano.

“Esperamos que esses novos semáforos que absorvem energia sejam o modelo padrão daqui para frente, não apenas para novas instalações, mas também para substituir gradualmente os faróis existentes”, disse o professor Dr. Mohammad Uddin, um dos principais pesquisadores do estudo.

Fontes:

World-first product will be a lifesaving traffic stopper. University of South Australia. 26 de novembro, 2021.

Impact-absorbing traffic light poles could save lives. New Atlas. 29 de novembro, 2021.

Você pode se interessar por

Deixe uma resposta