Registros do primeiro semestre de 2021: A Construção Civil está gerando empregos e crescendo

156 0
construção

Mesmo com a crise em meio a pandemia da COVID-19, com o aumento do preço de insumos e com desabastecimento de matéria prima, a construção civil registrou crescimento no seu mercado de trabalho nos primeiros meses desse ano.

Só em janeiro, a construção civil gerou 43.498 novos postos de trabalho com carteira assinada. Esses dados são do novo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgado pelo Ministério da Economia em março desse ano.

Além disso, o relatório informa que, no primeiro mês do ano, todos os segmentos da Construção civil apresentaram resultados positivos, com a construção de edifícios recebendo destaque especial pelo crescimento expressivo. Só as obras de infraestrutura de edifícios foram responsáveis pela geração de 18.905 novos empregos.

Os números também mostram que, o primeiro trimestre de 2021, teve 264% empregos a mais criados pela construção civil do que o mesmo período no ano passado.

O Economista Ieda Vasconcelos, da Câmara Brasileira da Indústria da Construção, está otimista e diz que o setor está surpreendendo mesmo com todas as dificuldades impostas pela pandemia. 

Além disso, o ultimo valor do Índice de Confiança da Construção (ICST), registrado para o mês de maio pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), subiu 2,2 pontos, ficando em 87,2 pontos.

Esse indicador ICST representa a percepção dos empresários em relação ao passado recente, cenário atual e perspectivas do setor da construção civil, e reflete uma melhora na segurança dos empresários em relação ao futuro do setor.

Fonte

Informativo Econômico. Câmara Brasileira da Indústria da Construção. https://cbic.org.br/es_ES/caged-construcao-civil-tem-o-segundo-melhor-janeiro-nos-ultimos-30-anos/

Brasil e Política, notícias, Valor Investe. Em: https://valorinveste.globo.com/mercados/brasil-e-politica/noticia/2021/05/26/confianca-da-construcao-sobe-pela-primeira-vez-no-ano-aponta-fgv.ghtml

Deixe uma resposta