O inverno chegou: saiba quais são as principais obras dessa época do ano

97 0
inverno frio

Hoje é dia 21 de junho e início oficial do inverno no Brasil. Por isso, separamos esse post para você que quer fazer aquela reforminha na casa, ou também para você que quer dar um gás nos projetos de construção civil de sua empresa. Vamos ver que o inverno pode ser um grande aliado na construção civil brasileira.

Uma das grandes preocupações dos norte-americanos é com o inverno. Para eles, durante os meses de inverno rigoroso (que se inicia em dezembro), os projetos de construção civil ficam atolados de problemas: solos congelados que dificultam as escavações e fundações, frequentes tempestades de neve e gelo, limpeza periódica das grandes camadas de neve, tudo isso tomando tempo e muito dinheiro.

As soluções até estão presentes: máquinas de descongelamento do solo, mantas isolantes e componentes de concreto anticongelantes por exemplo. Mas, no fim das contas, tudo agrega um custo muito elevado no projeto.

Já no Brasil, o inverno é quando os canteiros de obras começam a ganhar ainda mais força.

Os construtores brasileiros geralmente preferem iniciar as obras no fim do verão/início do outono (aí pelo início de abril), onde geralmente a temporada de chuvas termina. Porém, é nos meses de inverno que aumenta o número de determinados tipos de obras.

Confira quais são os principais serviços da construção civil no inverno brasileiro.

Construção de telhados

Com a estiagem dessa época do ano, os empreiteiros aproveitam para executar obras em ambientes descobertos. A ausência de chuvas e as temperaturas menos quentes favorecem a troca de telhas e de estruturas do telhado.

Reforma de prédios e fachadas

A pintura das fachadas e a reforma de prédios ganham a paisagem urbana dessa época fria.

Esse período menos úmido favorece o reparo de superfícies que precisam estar secas para o trabalho, além de ajudar na impermeabilização das fachadas.

Piscinas

Obviamente, construir uma piscina no inverno é melhor para conseguir terminá-la a tempo de o verão chegar.

Mas não é só por isso que a construção ou a reforma de piscinas são boas pedidas para o inverno. Nessa época, a demanda por piscinas cai, e os valores dos materiais ou serviços podem estar mais baratos.

Além disso, a construção de piscinas envolve escavação e a impermeabilização do local, o que na maioria dos casos ocorre a céu aberto e pode sofrer com a umidade ou com as chuvas do verão.

Problemas e cuidados

Um dos grandes problemas de se construir no inverno é a etapa de concretagem da obra.

O concreto, em temperaturas abaixo de 5 °C, sofre problemas de hidratação, causados pelo mal processamento da chamada cura.

Isso acontece porque a água presente no concreto congela, o que impede que a hidratação do cimento ocorra de forma correta. Além disso, durante seu congelamento, a água expande seu volume, e isso pode reduzir a resistência do concreto final.

A Norma Brasileira NBR-14.931, que trata da execução de estruturas de concreto, traz algumas observações acerca da concretagem a baixas temperaturas, para garantir a segurança da estrutura:

  • A temperatura da massa de concreto, no momento do lançamento, não deve ser inferior a 5°C;
  • A concretagem deve ser suspensa sempre que estiver prevista queda na temperatura ambiente para abaixo de 0°C nas 48 horas seguintes;
  • Em nenhum caso devem ser usados produtos que possam atacar quimicamente as armaduras, em especial aditivos à base de cloreto de cálcio.

E você, vai construir algo ou planeja alguma reforma durante esse inverno? Deixe seu comentário!

Referências

ABNT-NBR 14931. Execução de estruturas de concreto – Procedimento. 2004.

Teixeira, G. R. W., Ibrahim, L. B., Balestra, C. E. T., Savaris, G. RESISTÊNCIA DO CONCRETO CURADO EM BAIXA TEMPERATURA. REEC – Revista Eletrônica De Engenharia Civil. 2020.

Deixe uma resposta