Caminhões autônomos já estão em operação na maior mina de ferro a céu aberto do Brasil

870 0

A mineradora Vale iniciou no dia 1º de setembro a operação de seus primeiros seis caminhões fora de estrada autônomos no importante Complexo de Carajás, no Pará, ampliando o uso da tecnologia que dispensa a presença de operadores dentro das cabines.

Em Carajás, onde está o maior complexo produtor de minério de ferro da Vale, a expectativa é de ganho de produtividade com os gigantes caminhões autônomos, pela operação mais eficiente e estável, mas a companhia considera que projeções sobre um aumento de produção com o equipamento dependem de vários outros fatores.

Caminhões autônomos da Vale. Fonte: Vale/divulgação.

Esses novos transportadores de minério de ferro – com quase o dobro da altura e mais que o triplo da largura de um veículo convencional – vão operar ao lado caminhões não-autônomos na região de Carajás, que conta atualmente com uma frota de cerca de 120 unidades.

Até o final de 2021, Carajás deverá ganhar outros quatro caminhões autônomos, somando um total de dez, todos na área no entorno da mina N4E – a mais antiga da Vale na região.

Os veículos, com capacidade para transportar 320 toneladas, têm 16,2 metros comprimento, 7,4 metros de altura e 8,7 metros de largura.

Fonte:

Revista Forbes. Disponível em: forbes.com.br/forbesesg/2021/09/vale-inicia-operacao-de-caminhoes-autonomos-no-complexo-de-carajas/

Deixe uma resposta